Imersão no francês – o filme

Finalmente vi o filme French Immersion que comentei no outro post (sem legenda mesmo e é isso aí). Muito legal! Bem sessão da tarde mas muito legal. A cidade toda faz parte do programa de imersão e as pessoas não tem pra onde fugir rssss. O objetivo é aprender no tratamento de choque hehehe.

Mas aí eu – que vou passar por isso ano que vem – me identifiquei muito com eles! Eles foram recebidos já em francês e você vê que eles já ficam perdidos ali, nas regras. #Medo. Depois eles estão naquela tipica fase do “beabá” em que não sabem mais que o básico: bonjour, merci e talvez um ça va. Sei muito bem como é isso ^^ (parece que nunca passei dessa fase). E ao longo do filme você percebe que eles começam a esboçar algumas frases, depois fazer frases completas, mas com vocabulário ainda restrito. Aquela coisa de não saber se expressar com as palavras certas, aquelas que você quer usar, mas seu vocabulário básico permite dizer o que você quer sem muita volta. Eu provavelmente me encontro nessa fase. Eu sei alguma coisa e ainda temo fazer frases sem pé nem cabeça hehehhe ou esquecer aquele termo que se usa nessa ou naquela ocasião. Enfim, só no tratamento de choque que vou saber hehehe.

Daí que parece que falta muuuuito pra viagem * dramática* ainda fico por aqui uns 3 ou 4 meses. E quando lembro do assunto me surgem das mais diversas duvidas/questões. Como fazer a mala pro inverno E pro verão de lá??? Será que eu consigo me virar no francês? Acho que vou estudar o mapa da cidade… Que lugares eu preciso ir enquanto estiver lá? Eu quero aproveitar tudo – coisa que não fiz quando fui pra Vancouver e me arrependo. Acho que meus objetivos mais básicos são:

 1º – voltar falando francês sem medo de ser feliz

2º – aproveitar demais a viagem (pra uma infinidade de coisas: visitar lugares próximos, conhecer bairros, transporte, festivais de verão, esquiar ou ~snowbordear~ no inverno, perceber a cidade, comidas etc)

Acho que estou criando muita expectativa D=

O lado bom que eu tenho que perceber é que eu não preciso ter medo de falar francês pq alguma coisa eu já falo (e entendo. Afinal consegui ver o filme e entendi quase tudo).

Onde é que vende auto confiança mesmo? Tambem serve em aplicativo rs

Criei o objetivo de escutar francês tudo dia. Confesso ficou faltando uns dias…. mas hábitos não nascem do dia pra noite. E disciplina pra estudar sozinha eu já sei que me falta. Onde é que compra vergonha na cara mesmo? rss

Ela *ansiosa*

>baixe o filme aqui.

8 pensamentos sobre “Imersão no francês – o filme

  1. Olá!
    Desde o seu outro post falando sobre este filme procurei pela internet onde baixar e não tive sucesso.
    Este post foi perfeito, tinha o link para o download, rsrs.
    Baixei ontem mesmo e não quis esperar para assistir. A parte que mais gostei é que mesmo sem legendas eu entendi quase tudo. Ou meu francês está melhorando ou o francês usado no filme foi mais básico.
    O filme é bem sessão da tarde, mas valeu muito a pena ouvir francês e rir.
    Abraços e obrigado por postar o link.
    Alfredo e Taís.

    • Bom la na comunidade do face, onde eu vi sobre o filme, o pessoal tb teve dificuldade – inclusive a gente. Bom, resolvi colocar o link pra não ter erro =)
      É tão bom saber que da pra entender francês né rss

      oui, on peut! =D
      Ela

  2. Oiê!

    Finalmente pude vir aqui comentar! Não havia lido antes porque morro de medo de spoilers! Hehehe… Assisti o filme ontem e posso garantir: é hilário!

    Eu não sou muito o tipo de pessoa que gosta de comédia, mas aquele filme é perfeito para imigrantes e pré-imigrantes por causa da temática. Além do mais eles estão o tempo inteiro fazendo piadas internas tanto sobre a cultura québécoise quanto sobre a relação deles com o ROC (Rest of Canada). Adorei!

    E bem, como é um filme sobre aprendizado, dá pra entender tudinho, afinal quase todo mundo tá falando devagar… O único impossível de entender é o padre, mas aquele ator ali eu não consigo entender de jeito nenhum e já vi outros papéis dele! Ele sempre fala enrolado e pra dentro, não dá pra entender PN!

    Enfim, adorei a sugestão e eu acho que todos os pré-imigrantes deveriam assistir!

    Beijos,
    Lidia.

Participe do blog, deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s