Castelinhos de areia que a onda vem e derruba

Esses dias eu parei para ler mais os blogs dos que já estão no nosso querido Canada (já que o pessoal daqui está acompanhando o silencio do consulado). Em especial li textos sobre compra de casas, busca de apartamentos, colégio para as crianças e textos de ‘estamos aqui a x meses/anos’. Sabe, aquele momento retrospectiva? Então…

Eu sei que eu fiquei aqui sentada imaginando a minha vez…. Se fosse um filme ia focar na minha cara de sonhadora e olhos brilhantes e começariam umas cenas esfumaçadas em que eu e ele estaríamos passeando no Canada ou escolhendo nossa casa ou arrumando as coisas da mudança, passeios nos parques etc. É tão bom ver as pessoas conseguindo construir suas vidas por lá. Dá aquela sensação de que conseguiremos também.

Fico vendo as fotos das casinhas que nem nos filmes: os gramados, os yards (tem nome pra isso em francês?) com um parquinho pras crianças. Historias e historias de inverno, verão e primavera, do pessoal comprando e arrumando a casa que chega dá vontade de pegar carona na primeira coisa que passar indo praquela direção.

Aaaah meu coração se enche de esperança. Suspiro até o ar acabar. E de repente sou acorda por um telefone ou alguém que interrompe a minha querida e inexistente vida no Canadá. Quando será a minha vez? Quando será que isso acontecerá comigo? Nesse momento tudo parece tão distante…

E aí me toco que ainda estou no aquecimento para a grande corrida da imigração – essa grande maratona com obstáculos. E a minha largada nem foi dada…

Ai realidade, por que tão realista?

Ela.

Anúncios

8 pensamentos sobre “Castelinhos de areia que a onda vem e derruba

  1. Ah, menina… Eu faço TANTO isso! Se eu ganhasse 1 real para cada daydream que eu tenho sobre a minha futura vida no Canadá eu já estava ryyyca, morando lá com visto de turista, sem trabalahr até meu visto chegar… Hehehe… E o piior é que tem um site chamado duproprio.com que mostra imóveis à venda no Québec.. Tem em todos os lugares, de todos os tamanhos e preços… Ahhhh… A imaginação vai a mil! Estou num ponto da minha vida onde acho os imóveis brasileiros feios e o estilo dos imóveis canadenses lindos! =P

    Mas tudo bem: sonhar não dá dinheiro, mas também não custa nada. É só cuidar para não ficar sonhando de boca aberta e babar…

    Beijos,
    Lidia.

  2. Olá, eu sei muito bem como é isso!!!
    Cada vez q leio uma noticia, fico imaginando quando será minha vez?? quano vai chegar meu dia??

    mas basta pensarmos positivo sempre, que quando menos esperamos, estaremos embarcando rumo as terras do norte :

  3. Adorei o “Ai realidade, por que tão realista?”… este deveria ser o meu slogan! hahahaah
    considero essas viagens virtuais um passo a mais rumo ao Canadá. Nada melhor do que visualizar a vida que você quer ter, pra saber como começar a construi-la, né?! Pega uma casinha dessas do site emprestada, o dono não precisa saber (rsrs) e viaja lá dentro, enquanto não dá pra viajar pro Canadá… bisous 😉

Participe do blog, deixe um comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s